Só agora?

(Por Zé de Baião, in Facebook, 22/03/2018)

so_agora3

Os meus pobres avós diziam-me que os ricos rezavam à mesa pelos pobres, mas não distribuíam nada com eles.
Só ganhou vergonha agora Sr. PR?
Só percebeu agora que há portugueses pobres?
Não teve vergonha quando os seus familiares e amigos apoiavam a miséria imposta pelos Governos de Salazar, atirando os nossos pais e avós para a miséria, sem condições de ir à escola, sem se poderem expressar e queixar da miséria e ainda a perderem a paz e a vida na guerra?
Não teve vergonha?
Não lhe pesa na consciência alguma co-responsabilidade? 

Não conhecia a realidade do país enquanto passou tantos anos a comentar nas TVs para chegar a PR e enquanto assistia à degradação humana, social e económica no tempo dos governos do seu partido e no tempo do anterior Governo PSD/CDS? Fizeram melhor? Porque é que não sentiu vergonha? 

Pois eu que sou um simples cidadão aldeão e técnico de acção social citadino, que há muito sentiu e percebeu a pobreza, até porque, tal como a esmagadora maioria dos portugueses, não precisamos de chegar a PR nem ao aproximar de eleições, para perceber que a pobreza existe há muito e que é necessário preocupar-nos com ela.
Talvez, se tivesse sentido vergonha no tempo do senhor governante a quem escrevia umas cartas de simpatia, muito provavelmente o país e os portugueses estariam hoje bem melhores. Mas contribuíram para o acentuar da pobreza e para um atraso de décadas.
É este o sentimento de um filho e neto de gente que passou muitas dificuldades e até fome, trabalhando no duro e de sol a sol, para o senhor e outros que tais terem tudo, à custa de uma esmagadora maioria que há décadas tem quase nada.
Comece por dar o exemplo e limite o seu salário e reformas chorudas à média daquilo que recebem os portugueses. Ou então passe um só mês com a reforma ou salário mínimo e pode ser que perceba e faça perceber à classe política e designadamente à classe política de direita, que já vem do tempo dos governos de Salazar e dos seus familiares, o que é e como se sente a pobreza.
Se viverem e sentirem a pobreza aos mais diversos níveis, talvez se esforcem por a resolver.
Lamento que só tenha percebido e sentido agora, quando os portugueses já perceberam, ou deveriam perceber, que já anda a pensar nas próximas eleições.

Anúncios

4 pensamentos sobre “Só agora?

  1. sim , e uma vergonha, chegar-se ao fim de uma vida de trabalho (46 anos) e receber-se uma reforma miserável com
    cortes e mais cortes ,de quem passou uma vida a descontar, e quem descontou 20 anos e menos receber reformas chorudas, e completas, as lamurias e penas os pobres dispensam querem e atitudes e concretizaçoes , nao querem jonets e sopas dos pobres, como a direita pretende seja objectivo !

    Gostar

Obrigado pelo seu comentário. É sempre bem vindo.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.