Quem quer casar com a carochinha?

(In Blog O Jumento, 07/10/2017)
passos_rio
Parece que ninguém se oferece para casar com a carochinha, muito rica e bonitinha, tudo aponta para que o Rui Rio faça as vezes de João Ratão. Durante anos andou na sombra para chegar à liderança do PSD sem ter de correr o risco de dar a cara por esse desejo e de preferência sem lutas que o exponham, obrigando-o a dizer o que pensa ou que pensa que pensa.
Se não fosse Pedro Santana Lopes que há muitos anda por aí, não perdendo nenhuma oportunidade para gritar “estou aqui”, o PSD poderia poupar congressos e eleições, até podiam ter dado posse ao novo líder no almoço de Azeitão, que muitos militantes e velhos dirigentes agradeceriam não ter de ir a mais um congresso inútil. Até se poupava o trabalho de apresentar moções, até porque Rui Rio não tem pensamento político, o mais longe que vai nesse domínio é um bom dia ou boa tarde.
Começa a ser evidente que os apoiantes de Passos optaram por estender a passadeira laranja a Rui Rio obrigando-o a ir a jogo no pior momento do PSD. Sem programa, sem projeto e sem grandes apoios das bases Rui Rio vai dirigir o PSD sem ter lugar no parlamento e com um grupo parlamentar com uma maioria esmagadora de apoiantes do ex-líder.
Rui Rio não tem programa, andou anos a fazer oposição a Passos Coelho sem a coragem de o fazer de forma frontal e sempre que lhe foi exigido que se assumisse ia almoçar com Passos Coelho para lhe garantir apoio, acusando a imprensa de inventar posições que não tinha. Rui Rio nunca teve uma visão para o país, esteve sempre limitado ás suas capacidades intelectuais e aos limites do concelho do Porto.
O PSD vai enfrentar um período muito complicado, derrotado num parlamento onde a direita ficou em minoria, derrotado nas autárquicas, derrotado em todas as sondagens e sem uma resposta à política económica do governo, tem agora um líder sem programa, que chega à liderança sem debate, sem um lugar no parlamento, sem imprensa e sem dinheiro.
Rui Rio vai casar com a carochinha e não lhe faltarão padrinhos e damas de honor, reúne uma unanimidade quase cínica, levará como padrinhos Manuela ferreira Leite e Morais Sarmento, terá Rangel e Montenegro como damas de honor, reservando-se para Marques Mendes a tarefa de levar as alianças e com Marcelo a celebrar a eucaristia. Agora já falta saber se o João Ratão cai no caldeirão antes ou depois das próximas eleições.
Anúncios

Obrigado pelo seu comentário. É sempre bem vindo.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s