Síria – Crime intolerável ou armadilha sinistra?

(Por Carlos Esperança, 10/04/2018)

reichtag

Com os jihadistas da Al Qaeda e do Estado Islâmico desbaratados, isto é, com a guerra ganha, Bashar al-Assad precisava de ser demasiado estúpido ou demente para assassinar 49 civis, com armas químicas, no último rebelde e sem especial relevância estratégica, na região de Ghouta [Damasco oriental], em vez de pensar na reconstrução do país.

Admito a ausência de escrúpulos do regime e a falta de qualquer sentido de humanidade do presidente da Síria que resta, depois da destruição e sofrimento a que não são alheios os interesses geoestratégicos das grandes potências, mas tenho dificuldade em entender um suicídio, depois da vitória.

Sabe-se que nas guerras a primeira vítima costuma ser a verdade, embora nesta haja já milhões de pessoas que tiveram o azar de nascer ou estar num sítio onde a geopolítica não os deixou viver.

De que vale, aliás, a verdade para quem vagueia pelo mundo à espera de sobreviver, em busca da paz e de uma ocupação, quase sempre já sem família ou com ela destroçada?

A gravidade das armas químicas, o sentimento de ódio que despertam e o alarme que causam não podem deixar o mundo na dúvida. É aqui que os inspetores da ONU devem ser privilegiados na investigação que, ao contrário ao que aconteceu no Iraque, esclareça quem as usou, de onde vieram e quem foram os cúmplices.

O pretexto para o enfrentamento entre a Rússia e EUA é um preço demasiado alto para a Humanidade. Ninguém pode tolerar que o alegado “animal” da Síria e o que assim o designou, possam destruir os homens do Planeta, porque voltaram os tempos em que os animais falam… e decidem a sorte dos humanos.

Apostila – Qualquer relação da imagem com o texto é pura coincidência.

Post Scriptum – O perigo de confronto aumentou com o veto russo à proposta dos EUA para investigar alegados ataques químicos na Síria, num arriscado jogo do gato e do rato entre dois líderes pouco confiáveis.

Anúncios

Um pensamento sobre “Síria – Crime intolerável ou armadilha sinistra?

  1. O perigo de confronto aumentou com o veto russo à proposta dos EUA para investigar alegados ataques químicos na Síria, num arriscado jogo do gato e do rato entre dois líderes pouco confiáveis.“!
    É EXACTAMENTE O OPOSTO!

    O veto russo relativamente à proposta dos terroristas americanos apenas (e este apenas não é pouco!) evitou mais um circo de “faz de conta que vamos investigar, mas se quiserem já temos aqui o relatório final”.

    Por seu turno aquilo que o Carlos Esperança reclama, foi exactamente o que a Rússia propôs e que os EUA VETARAM!

    Andas a ver muita PROPAGANDA RASCA via RTP/SIC/TVI/ETC!

    Sugiro que vejas o vídeo integral das reuniões do conselho de segurança e depois já não escreves tantas incongruências!

    Gostar

Obrigado pelo seu comentário. É sempre bem vindo.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s