CRIMINOSA QUER DESTRUIR O MINISTRO DAS FINANÇAS

(Por Dieter Dillinger, in Facebook, 29/01/2018)

JOANA_CARI

O pasquim “Correio da Merd..” mais a PGR Joana Marques Vidal querem meter o Ministro das Finanças numa decisão da Assembleia Municipal de Lisboa.

O pasquim chama-lhe Assembleia Municipal da Câmara de Lisboa, mostrando o desconhecimento do jornaleiro que escreveu. A Câmara não tem Assembleia e é em si mesmo uma pequena assembleia. A cidade é que tem uma Assembleia, tal como Portugal tem uma Assembleia da República que não é Assembleia do Governo.

O pasquim publicou o seguinte texto com uma grossa Mentira, pois dizem-me da parte do gabinete de Centeno que não é verdade que ele vá pôr o lugar à disposição se for arguido, porque só o poderia ser ILEGALMENTE na medida em que o governo (Ministro das Finanças) não tem influência na Assembleia Municipal de Lisboa em que estão representados todos os partidos.

CM Escreveu:

“Isenção valeu 18 mil euros de IMI
A isenção decidida pela Assembleia Municipal da Câmara de Lisboa e comunicada à Autoridade Tributária a 24 de março de 2017, relativamente ao imóvel sito na rua do Sol a Santa Catarina, em Lisboa, fez com que a empresa dos filhos de Luís Filipe Vieira, a Realitatis – Investimentos Imobiliários SA, poupassem 18 118 euros.

A isenção era devida de acordo com o artigo 71 , nº 7 do Estatuto dos Benefícios Fiscais (EBF) e estava atrasada em virtude de terem sido acumulados vários pedidos nos serviços financeiros da Câmara Municipal de Lisboa”

Mesmo que tivesse havido um cunha para evitar o atraso não se pode comparar com o CRIME IMPUNE de Joana Marques Vidal que permitiu o ROUBO de Crianças do Infantário da IURD há cerca de 20 anos atrás e que prescreveu, mas não deixa de ser um CRIME HORRENDO que não deve ter sido único e deveria levar à proibição da IURD em Portugal.

O Crime Jurídico foi praticada pela então coordenadora dos Tribunais de Família Joana Marques Vidal que, apesar disso e sem ter consciência do que fez, subiu ao mais alto posto da hierarquia do Ministério Público e agora quer atacar a ESTRELA do Governo por causa de uma decisão de um órgão que não depende dele.

A Demissão do presidente do Eurogrupo seria um enorme FAVOR à oposição e mostraria como a chamada “justiça” está contra o governo e é tudo menos IMPARCIAL como seria obrigação de qualquer magistrado. Mas também seria um ATAQUE aos Interesses da PÁTRIA pior do que está a ser feito através da tentativa de condenar o ex-vice presidente da Rapública de ANGOLA.

Anúncios

7 pensamentos sobre “CRIMINOSA QUER DESTRUIR O MINISTRO DAS FINANÇAS

  1. Eu disse aqui que a isenção foi aprovada pela Assembleia Municipal, mas ao ler a lei e ouvir a SIC não era necessária a aprovação de qualquer órgão da Autarquia. Basta a constatação que a reabilitação do edifício em causa está em conformidade com a lei que neste caso era ter sido um edifício antio situado na zona histórica da cidade. Um técnico verifica e os serviços da CML comunicam à Autoridade Tributária para introduzir no sistema informático.
    O Ministro das Finanças nem chega a ter conhecimento do facto porque fica tudo muito fora do seu gabinete, ou seja, na Direção da Autoridade Tributária.
    Deixei-me enganar pelo pasquim CM que referiu o termo Assembleia quando nem sequer aos vereadores da Câmara vai o pedido de isenção.
    Desculpem o erro de julgar que o pasquim poderia escrever, pelo menos, uma frase correta. Mas nem isso.
    Dieter Dellinger

    Liked by 1 person

Obrigado pelo seu comentário. É sempre bem vindo.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.