O sexo das palavras

(Valdemar Cruz, in Expresso Diário, 04/02/2017)

O uso dado às palavras sempre esteve assente numa dupla dimensão do domínio do cultural e do político-ideológico. O exemplo mais próximo e continuado no tempo desta realidade é a polémica à volta do Acordo Ortográfico. Resultado de uma construção política, como o são por norma as convenções, neste caso linguísticas, o acordo suscita divisões no que diferentes campos entendem ser, ou não, o respeito pela tradição cultural, plasmada no modo como nos expressamos, ou como passaram alguns a ser obrigados a expressar-se, seja nas comunidades escolares, seja nas estruturas oficiais …


Ler restante parte aqui: Expresso | O sexo das palavras

Anúncios

Obrigado pelo seu comentário. É sempre bem vindo.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s