Como é, Bloco? Mandam ou não passear o PSD?

(Penélope, in Blog Aspirina B, 30/11/2016)

catarina_2

É evidente que aquela aliança do Bloco com o PSD e o CDS para deitar abaixo a administração da Caixa deu ideias à direita para continuar a “entalar” uma certa esquerda que, em nome de uma propalada pureza de ideais, cai demasiado facilmente em armadilhas:

A demissão de António Domingues está longe de ser o último episódio da novela da Caixa Geral de Depósitos (CGD). O próximo está já marcado pelo PSD para terça-feira quando for discutido o projeto de lei social-democrata que volta a pôr em cima da mesa os salários dos gestores da Caixa, mas não só.

A proposta do PSD – que se destina a todo o setor empresarial do Estado – prevê a criação de quotas de género (num mínimo de 33% de mulheres na administração), um limite ao número máximo de administradores e a publicitação na internet, não só das orientações de gestão dadas pelo governo, como os relatórios trimestrais das administrações.”

Os objetivos do PSD são lógicos e conhecidos: desestabilizar o acordo quadripartido de governo, colocando pressão sobre os seus elementos, 2) impedir a solução pública para a Caixa e 3) iniciar as já típicas campanhas de lançamento de sujidade para cima de quem governa, valendo-se dos inúmeros amigos de que dispõe na comunicação social. A estratégia para tal é clara e está à vista de todos: até agora mortiços e sem hipóteses de ataque, descobriram o filão da CGD e, tendo alcançado uma vitória com a súbita decisão do Bloco de aprovar a reversão do estatuto do gestor público, absolutamente desnecessária dada a avaliação em curso pelo Tribunal Constitucional e as exigências do Presidente da República sobre a apresentação das declarações de rendimentos e património, trata-se agora de apelar mais uma vez à advogada pureza/ grandes causas e à burrice do Bloco para prosseguirem os seus intentos.

Eu só pergunto: o que impede o Bloco de os mandar passear? O receio de que a suspensão da “pureza” não agrade ao seu eleitorado? Parece-me estupidez aguda. Sabem o que é uma balança? Se não sabem, informem-se, comprem uma e utilizem-na para fins úteis frente aos vossos eleitores. Acaso os limites salariais para altos cargos públicos alguma vez preocuparam o PSD? E as quotas para as mulheres? Não nos façam rir.

E por falar em rir… jamais irei chorar pelo Bloco, mas é pena a triste figura que fazem na tentativa de serem puros. Há quem aproveite e os utilize e pelas piores razões. Sempre foi assim.

Se vos falta matéria para negociar com o PS, como acontece em política e com o PCP, ponderem ao menos se é mesmo melhor alinharem com este nojo de direita – cínica, hipócrita, oportunista, interesseira e rasteira. E sobretudo que já mostrou em quatro anos ao que vem. Ainda haverá quem não tenha percebido?


Artigo original aqui

2 pensamentos sobre “Como é, Bloco? Mandam ou não passear o PSD?

  1. Para uns, é o PS que manipula o Bloco. Para outros, é o PSD que manipula o Bloco. Para outros ainda, é o bloco que passa a sua agenda usando os outros.
    É uma questão de perspectiva, mas aos poucos vai-se mudando as coisas.

    Gostar

Obrigado pelo seu comentário. É sempre bem vindo.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s