As Presidenciais

(Estátua de Sal, 08/10/2015)

Sampaio da Nóvoa

           Sampaio da Nóvoa

Sampaio da Nóvoa acabou de falar ao país dissipando as dúvidas que a Direita tem vindo a alimentar na opinião pública acerca da eventual desistência da sua candidatura à Presidência da República.
A candidatura de Nóvoa é uma candidatura premonitória. Ele avançou antes das eleições legislativas mas, de certa forma, ele antecipou o cenário atual que decorre dos resultados eleitorais e que dá uma maioria parlamentar à esquerda e uma minoria às forças da PAF.
Se as pressões sobre o PS e António Costa, quer vindas do alfobre interno, quer da envolvente externa – quais delas as mais fortes -, podem vir a inviabilizar a existência de um governo do PS apoiado, ou pelo menos viabilizado à esquerda, já o mesmo não irá ocorrer com a candidatura de Sampaio da Nóvoa caso esta consiga ultrapassar a pulverização de candidaturas da esquerda e centro-esquerda e passar a uma segunda volta nas presidenciais.
Assim o eleitorado se mobilize para que uma candidatura independente seja ganhadora. E isto apesar do cenário atual não ser de unidade das esquerdas mas sim de pulverização:
1) Maria de Belém nada fará contra o Prof. Marcelo porque disputa o mesmo eleitorado pelo que lhe antecipo um fraco resultado eleitoral: quem nem sequer é apoiada pelo seu próprio partido que tipo de sucesso pode almejar?
2) O PCP apresentou já o seu candidato próprio, o que faz sempre, mas que umas vezes chega ao fim, outras desiste, mas aproveita sempre a campanha eleitoral para divulgar as suas mensagens.
3) O BE, ainda não assumiu uma posição pública sobre o tema presidencial.
4) O PS, mais uma vez titubeante, dá liberdade de voto aos seus militantes e simpatizantes.
Neste enquadramento, tenho para mim que, apesar de tudo, Nóvoa terá pelo menos os votos de dois terços do eleitores do PS nas legislativas recentes e da maioria dos votos que foram para o BE nas legislativas, com apoio ou sem apoio desse partido. Se o candidato do PCP desistir logo na primeira volta, Nóvoa estará certamente na segunda a disputar Belém com Marcelo.
E, se tal suceder, em teoria Nóvoa baterá Marcelo, tendo em conta os últimos resultados eleitorais. É que por muitas homílias e recados professorais que Marcelo mande aos domingos a Passos Coelho, tentando passar uma imagem de imparcialidade opinativa, não conseguirá que os portugueses esqueçam que ele é um lídimo apoiante da PAF, da austeridade e das mentiras e vigarices em que Coelho é perito.

É que a esquerda pode ainda não ter capacidade de entendimento e diálogo para gerar um Governo para o País. Mas, neste momento histórico, tem as condições e a obrigação de eleger um Presidente da República.

Estátua de Sal, 08/10/2015

Um pensamento sobre “As Presidenciais

Obrigado pelo seu comentário. É sempre bem vindo.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s