Os palpites e intrigas de Marques Mendes (MM)

(Carlos Esperança, 20/06/2019)

Ao contrário de Marques Mendes, não costumo pronunciar-me sobre processos judiciais em curso nem enxovalhar presos. Prezo demasiado a liberdade, e não aceito usar para quem está privado dela a ironia ou o sarcasmo sobre a sua situação.

Mingua-me a coragem para combater quem já está constituído arguido ou se encontra em julgamento e, depois de preso, ainda me sinto mais constrangido.

Eis porque passei a desprezar Marques Mendes, o mais bem remunerado comentador ao serviço da Direita e o paquete de Belém cujas encomendas os jornais e as redes sociais ampliam. Claro que tem direito à opinião própria e à pedida, à sua intriga e à dos rivais de Rui Rio, líder que se imola por mérito próprio, sem precisar de adversários.

Frequentou aulas de ética com o ex-vice-presidente do PSD, Joaquim Coimbra, que o empregou em uma ou várias das suas numerosas empresas, e doutorou-se nos princípios éticos com que foi gerido, por um seu colega de governo, o BPN.

Os ensinamentos do homem mais sério de Portugal, que, para ser ultrapassado, alguém tenha de nascer duas vezes, contagiaram o seu mais dedicado adjunto.

Esquece que fez parte do governo que deu um canal televisivo à Igreja, beneficiando a mais inconsequente das candidaturas por subserviência pia e demagogia partidária; não tugiu nem mugiu quando Bagão Félix demitiu por fax, de uma só vez, 18 diretores e outros tantos subdiretores da Segurança Social, arrastando no saneamento os que, sendo do PSD, resistiram aos 6 anos de Guterres; foi controleiro da RTP num dos governos de Cavaco Silva e só revelou coerência quando foi líder do PSD onde terá aprendido que, sem coragem, não chega a coerência. Deixou-se humilhar por Alberto João. E caiu.

Os recados alheios, às vezes, vêm envenenados. MM, sabendo que a sua Direita queria manter a PGR, só para condicionar o PM, apesar da própria e do PR terem considerado o mandato único, afirmou que seria um enorme escândalo se não fosse reconduzida. Marcelo enganou-o bem e MM meteu a viola no saco.

Não li que tivesse censurado Paulo Rangel na última campanha eleitoral europeia, com as referências permanentes a Sócrates e aos incêndios, a Sócrates e ao seu colaborador António Costa, a Sócrates e a Tancos, a Sócrates e à CGD, talvez por saber que Rangel era o candidato unânime do PSD.

Podia ter feito uma referência à flagrante contradição de Paulo Rangel, confrontado por um jornalista, quando um seu companheiro de lista foi constituído arguido, e declarou: 
“Sobre estes assuntos eu comunico sempre da mesma maneira: as questões que têm a ver com a justiça, é a justiça que tem de as resolver, elas não devem interferir com a política e com o seu normal devir”.

Neste caso, como é hábito, MM aos costumes disse nada.

Advertisements

21 pensamentos sobre “Os palpites e intrigas de Marques Mendes (MM)

  1. Da série “Fun Family Things To Do In #Lisbon, #Strasbourg, #Brussels, Castelo Branco, Barcelos And S. Domingos de Benfica”

    https://www.tsf.pt/portugal/sociedade/interior/autarca-de-barcelos-retoma-funcoes-e-gere-municipio-a-partir-de-casa—advogado-11027134.html

    e

    https://www.tsf.pt/portugal/politica/interior/presidente-da-camara-de-castelo-branco-vai-continuar-a-exercer-o-cargo-11031897.html

    Nota. Toma lá, Carlinhos, estas também são fresquinhas mas, azar!, não são sobre a gatunagem que te incomoda minimamente (mas são sobre aquela que te deveria preocupar, conselho de amigo). Tu próprio, a desmiolada Virgínia da Silva Veiga, o Vassalo, o Valulupi, não!, que tem como ocupação principal ser defensor de ilustres bandidos, e está excluído, ia a dizer, o António Costa, o Carlos César, a Ana Catarina Mendes, o Duarte Cordeiro, os tipos das distritais, os deputados, um autarca que seja, os tipos socialistas sérios, enfim!, ou alguém que mande no PS, não têm um pingo de vergonha na cara e conseguem assistir impávidos e serenos perante o que se passa em Barcelos e em Castelo Branco?

    [Pensa nisso, pá!, e deixa-te de merdas.]

    • RFC

      Bzzzzzzzzzzz !

      Aí está a “mosca”, diligentemente a “pontuar” contra quem ousa criticar o nano-farsante mentes, cujas adivinhações, são constantemente desmentidas pelos factos, como mostra o vídeo publicado abaixo, por Vítor !

      E, autoritária, a “mosca”, DECIDE “sem um pingo de vergonha na cara” com o que um articulista da Estátua se deve “preocupar”-conselho de amigo” !

      E “dolorido” estabelece “comparações” mas, com os seus “olhos poliédricos” consegue assistir, sem vêr, impávido e sereno, à luta interna, capciosa, canalha no PSD, para “ocupação” de cadeiras na A.R. !

      [Pensa nisso, pá!, e deixa-te de merdas.]

  2. Quanto a corrupção, não estarão bem um para o outro?! Sim, os dois do celebrado ‘arco da governação’! E no país dos brandos costumes, tudo segue como se nada de grave se passasse. Não há problemas. O contribuinte está cá para aguentar às cavaleiras toda essa corja…

  3. Da série “Fun Family Things To Do In #Lisbon, #Strasbourg, #Brussels, Castelo Branco, Barcelos And S. Domingos de Benfica” (especial lobbying das PPP)

    […]

    “Há dois PS”

    António Arnaut “queria uma Lei
    de Bases da Saúde aprovada à esquerda. Este seria o ponto nevrálgico da ‘geringonça’: conseguir
    um pacto de regime nesta maté-
    ria e repetir o alcançado em 1979
    com a primeira lei de bases. PS e
    PCP entenderam-se na altura. A
    esquerda pode e deve entender-se
    agora”, diz o neto.
    Os ventos até pareciam de fei-
    ção e “a mudança de ministro da
    Saúde foi um sinal claro de que o
    Governo pretendia seguir na linha dos objetivos do meu avô”, diz
    António Arnaut. “Marta Temido
    sabe para onde quer e precisa de
    ir e revejo-me completamente na
    proposta inicial do Governo (de
    Lei de Bases da Saúde)”.
    Na verdade, as alterações introduzidas posteriormente pela
    bancada socialista mudaram o
    quadro e deixaram “preocupados” os herdeiros de António Arnaut. “Parece haver aqui dois PS:
    o de Marta Temido e o de Carlos
    César”, mas “a índole do SNS não
    pode ser desvirtuada pelo partido, a menos que mude de nome e
    deixe de se chamar socialista”, diz
    António Arnaut.
    “Preocupa-me que possa haver
    um PS que faça perigar as promessas feitas ao meu avô e aos
    portugueses sobre a separação
    clara entre o sector público e o
    sector privado na saúde”, afrma
    o neto de Arnaut. “Aproveitar a
    posição pública do meu avô, invocá-lo e bater com a mão no peito
    a dizer que ‘o SNS é nosso’ e depois seguir o caminho inverso ao
    que ele defendia é usurpação de
    nome”. Um crime que, apesar de
    tudo, a família do fundador do PS
    acredita não ir ser cometido. “Estou convicto que António Costa
    vai querer e vai ser capaz de fazer
    perceber a um certo PS que quem
    está mal, muda-se”, diz António
    Arnaut. “Costa tem um partido
    e um Governo para gerir. Mas
    compreende bem a importância
    desta questão”, conclui.

    Rosa Pedroso Lima

    No Expresso em papel, hoje.

    Nota. Como diz o outro, o António Costa, o Carlos César, a Ana Catarina Mendes, o Duarte Cordeiro, os tipos das distritais, os deputados, um autarca que seja, os tipos socialistas sérios, enfim!, ou alguém que mande no PS, não têm um pingo de vergonha na cara e conseguem assistir impávidos e serenos perante o que se passa em Barcelos e em Castelo Branco e… com o lobbying das PPP?

  4. Uma coisa é o provado,outra é o suposto.
    Marques Mendes mente,comprovada e repetidamente!
    Paulo Rangel mente,comprovada e repetidamente.
    Filiados no PS são constituidos arguidos-
    Cada um de nós tem o seu juízo. Eu tenho o meu.

    Samuel Clemens

  5. Hum.

    Nota. 1. Marques Mendes e Paulo Rangel, mentem repetidamente (dizes tu). Se me deres cinco exemplos duas vezes, robustos, concordarei facilmente com os cinco casos que apresentares. 2a. O careca de Santo Tirso demitiu-se da CM para não ser preso, acusado por arranjar clientes para uma empresa da sua donzela (presa em casa, num condomínio milionário para onde se mudaram há meses). 2b. O gajo de Barcelos está preso em casa, era uma dos clientes da donzela do careca, e disse que passará, alegremente, a “gerir” de uma forma espectacular a CM e os marechais do PS nacional nada dizem. 2b. O gajo de Castelo Branco perdeu o mandato em tribunal e, não por acaso a sua donzela, que é a presidente da distrital e deputada do PS foi constituída arguida e vai a tribunal tendo na base de negócios escuros (ela a solo, o casal e o papá dele). Aqui chegados, quer continuar enquanto os marechais do PS se calam. Ora, se «Cada um de nós tem o seu juízo. Eu tenho o meu.», tu tens o teu, portanto, e nos casos de Barcelos e de Castelo Branco* qual é Samuel?

    Asterisco. Um distrito que, é bom lembrar, já deu ao país grandes vultos: um Zé, nomeadamente em 2005.

  6. Já não visitava a Estátua há muito tempo. Passei por ela hoje com curiosidade. Gosto de comparar: a economia como estava em 2015 e como está hoje. O desemprego como estava em 2015 e como está hoje. Fico feliz por verificar que hoje está tudo melhor. Por poder constatar que a direita não tem hipótese de chegar ao poder em Portugal. As coisas melhoram. Mas fico infeliz, nas comparações que faço, por verificar que muitas coisas (embora quase insignificantes, relativamente aos aspectos que referi antes) não melhoram. A Estátua no último mês não melhorou nada. Acho até que piorou. Com a vitória do PS nas europeias radicalizou. Quer evitar a vitória do PS nas legislativas. Segue a mesma orientacao do Eixo do mal, do Expresso, da SIC e por aí fora! O Ricardo F. Costa (RFC) transpira que se farta para estar em todas! A transpiracao do RFC é um suor doentio, mal cheiroso. O RFC é um moribundo sem cura que estrebucha, cada vez mais condenado á morte. Como toda a direita. No último mês morreu ainda mais. Como os órgãos dirigidos pelo Ricardo Costa (SIC, Expresso, etc) vao morrendo. A Estátua é cada vez mais um eixo do mal que o Ricardo F.Costa (RFC)
    vai destruindo. Nao penso revisitar a estátua antes das legislativas de outubro. Mas adivinho que ate lá continue a publicar os textos do Nogueira Pinto, do Daniel Oliveira, da Clara Alves, do Tavares e de todos os inimigos e adversários do António Costa, com comentários cada vez mais desesperados e ridiculos do moribundo RFC. Tentará que o PS não ganhe as eleições. Porque sabe que se o PS ganhar, o projecto Estátua de Sal, deixará de ter sentido e o moribundo RFC morrerá de vez. Só depois de morto o RFC deixará de papaguear “pá, pazinho, paizinho” quando não tem mais nada para dizer! Mas essa gente quando já não puder utilizar a Estátua como pai acabara sempre por chamar pai a outro!

    • Ui?

      Eheheheh! Toma lá, pázinho, a tal minuta que eu fiz com tanto carinho dedicada a tu.

      RFC diz:
      Abril 3, 2019 às 4:12 pm

      [Vá, que hoje também é dia.]

      Nota, única.

      Pázinho, olha. Devo dizer-te que me é relativamente incómodo ser regular, ordinária às vezes e parvamente interpelado num blogue qualquer por um tipo que, aparentemente, não faz mais nada e mais nada tem a fazer ou a dizer. Como te assinas por um nick, o que é pior, devo alertar-te que, para além de fazeres figura de urso (e, no caso, o problema é teu), deixas no ar um rasto, digamos, estranho para os tempos que vão correndo. E digo-te assim porque há uma série de maus exemplos sobre a utilização de perfis falsos na blogosfera, nas redes sociaios, nas caixas de comentários das edições online dos jornais, &etc. Trolls russos, sejam eles gajos do KGB, da CIA ou da Mossad, predadores sexuais que andam à caça de meninas ou de rapazinhos e outras, tantas, taras do estilo.

      Portanto, no meu caso que até sou crescidinho, ganha mas é juízo nos ditos e desopila… ‘stá?

      [Juízo nos cornos, e!]

    • remanso 11

      Cito :”A Estátua no último mês não melhorou nada. Acho até que piorou. Com a vitória do PS nas europeias radicalizou. Quer evitar a vitória do PS nas legislativas. Segue a mesma orientacao do Eixo do mal, do Expresso, da SIC e por aí fora! O Ricardo F. Costa (RFC) transpira que se farta para estar em todas! A transpiracao do RFC é um suor doentio, mal cheiroso. O RFC é um moribundo sem cura que estrebucha, cada vez mais condenado á morte. Como toda a direita. No último mês morreu ainda mais. Como os órgãos dirigidos pelo Ricardo Costa (SIC, Expresso, etc) vao morrendo. A Estátua é cada vez mais um eixo do mal que o Ricardo F.Costa (RFC)
      vai destruindo.”

      Não sou advogado de defesa da Estátua de Sal (melhor dizendo, não sou advogado…), mas permito-me discordar do que escreveu, sobre o que entendi ser, a falta de pluralismo da Estátua, “destinado” a fazer “côro” com uma pretensa cabala para “destruição do PS”, ou impedi-lo de ganhar as próximas eleições legislativas !

      E a prova desse pluralismo, parece-me, é a publicação deste seu comentário, e, por exemplo, dos meus, dos de Carlos Esperança ou Daniel Oliveira e…dos estrebuchos, esses sim DESESPERADOS, suados e fétidos dessa “mosca” RFC, que o “remanso 11”, parece conhecer por Ricardo F. Costa, o qual, “personaliza” o desespero de uma direita “fora de prazo”, em desagregação, em lutas e traições intestinas, para não perder “um lugarzinho” na A. R., ou lá no partido, todo em “cacos” partido !!! PORQUE FORA (E DENTRO…) DELE, SÃO UNS INÚTEIS QUE NÃO SABEM FAZER MAIS NADA…

      • Nota, única (depois da única).

        – Mas que conversa mais apaneleirada, pázinhos!

        remanso11 diz:
        Junho 23, 2019 às 1:10 am

        José Peralta diz:
        Junho 24, 2019 às 11:45 am

        • RFC (dito Ricardo F. Costa)

          Olha, pázinho !

          “Apaneleirada” porquê, pázinho ?

          Porque tu, pázinho, quando alguém te dá uma palmada no lombo e, com as rédeas, te puxa o bridão e te reduz à TUA miséria moral, intelectual, cívica e política, perdes o arnês asinino que trazes ao pescoço, tomas o freio nos dentes e, aos coices, lá te vais afundando no estrume da cavalariça, nele misturando a merda de que és feito !

          Por isso, não enganas ninguém, pàzinho ! Está tudo a condizer ! Porque haveria um pázinho de merda, ter argumentos de “alguma qualidade”, ao primeiro abanão que lhe dão na focinheira ?

          Só “argumentos”… de merda, pois claro…

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.