A canalhice não tem limites

(Carlos Esperança, in Facebook, 19/12/2017)

pafioso_cds

Para esconder o caso Tecnoforma, um processo que envolve Passos Coelho e Miguel Relvas, processo que “a PGR pondera abrir”, mas não há o mais leve indício ou a menor suspeita de que o tenha feito ou venha a fazer, esta direita abusa da comunicação social e do espetáculo para denegrir os mais íntegros servidores da ‘Res Publica’.

Ontem, na AR, um deputado do CDS, António Carlos Morgado, fazia um ignóbil ataque ao ministro Vieira da Silva, exibindo papéis sucessivos com queixas sobre a Raríssimas e perguntado de quantas queixas precisava o ministro para atuar.

Atingiu o delírio com uma fotografia descontextualizada do ministro, com o entusiasmo de um adolescente a exibir um calendário Pirelli e a leviandade da sua líder a assinar a resolução do BES, tentando provar que o ministro assinou um protocolo entre a Raríssimas e a fundação sueca Agrenska, o que o ministro reiteradamente desmentiu por não ser da sua competência assinar um protocolo entre duas entidades privadas.

Podia ter-lhe servido de precaução a pergunta do PSD ao Governo sobre o destino dos donativos confiados à RTP para as vítimas de Pedrógão, como se o Governo os desviasse, e ter obtido a resposta de que tinham sido enviados à Misericórdia local cujo presidente era o candidato do PSD à Câmara, o que inventou os inexistentes suicídios referidos por Passos Coelho.

Esta direita não tem emenda nem conserto, apenas se concerta para ataques infundados e assassínios de caráter. O azougado deputado teve a resposta a cada um dos papéis que exibiu e as medidas que todos mereceram, pela secretária de Estado.

Quanto à acusação mentirosa sobre o referido protocolo foi-lhe fornecida a cópia onde constavam apenas as assinaturas de Paula Brito e Costa e do sueco Anders Olausen, os presidentes das duas instituições intervenientes.
Perante os factos, em vez de apresentar desculpas, como qualquer pessoa de bem que se engane, preferiu referir-se ao ministro com uma pergunta: “o que é que está a fazer na fotografia, a dar autógrafos?”.

Talvez guarde a foto para, quando crescer, ser como o impoluto governante, na ética, na competência e na cidadania, enquanto o País continuará a ver diariamente as imagens dos incêndios e dos carros calcinados.

Anúncios

12 pensamentos sobre “A canalhice não tem limites

  1. O individuo chama-se António Carlos Monteiro e não Morgado. Não que lhe diminua a responsabilidade, mas não há que chamar os Morgados para esta cena triste.

    Gostar

  2. Tem toda a razão. A canalha da direita anda desenfreada e cega no ataque aos políticos que formaram a “geringonça” e principalmente aos que têm a função de governar o país. Não é preciso perguntar porquê, porque toda a gente sabe como eles se babam pelas mordomias estilo viagenzinha ao estrangeiro e estadia em hotéis de 5 estrelas com tudo o que sabemos ser oferta da casa. O ódio, sim o ódio, é porque não são eles agora a banquetearem-se com as prebendas e mordomias adrede às funções. O estado da Nação? O que é isso? Vamos mas é sacar o que pudermos enquanto é tempo e quem vier atrás que feche a porta. E depois mandam aqules lacaios que estão lá na 3ª ou 4ª filas das bancadas da assembleia nacional para fazerem a rábula das virgens ofendidas. Vão mas é dar banho ao cão, como está na moda!

    Gostar

  3. Já comentei, mas agora quero só agradecer o serviço verdadeiramente nacional e patriótico que os cronistas nos oferecem, nos seus escritos e nas suas opiniões democráticas. Parabéns e BOM NATAL!

    Gostar

  4. Está criatura dá pelo nome António Carlos Monteiro e não Morgado. Segundo a sua identificacao no site da Assembleia da República. E execrável o comportamento demonstrado deste energúmeno que tem assento na mesa junto do Presidente.

    Gostar

  5. Dar um simples click dizendo que gostou tem logo de se identificar com toda a irritação que isso produz, que chatice prefiro seguir em frente e não dizer nada. Só por isto lá vou ter de indicar aqui em baixo o meu mail e o meu nome, Temos sorte em não nos ser pedido uma certidão de nascimento e o registo criminal.

    Gostar

  6. Estas situações têm algo de conspirativo. Só assim entendo o fato da TSF ter feito um fórum sobre as Raríssimas na segunda-feira e ontem – terça -feira – ter feito outro.. Dois dias seguidos de forum com o mesmo tema.
    É como se fosse um cerco com tempo limitado para ter ou não êxito . Ou então será para criar fatos para encobrir alguma notícia que lhes seja inconveniente!

    Gostar

  7. O país assiste a verdadeiras cenas de um cinismo e falta de educação impressionantes. Maus exemplos para a sociedade que, como ousamos dizer, os maus caminhos são os mais fáceis de imitar. Os nossos Governantes Socialistas têm dado provas em todos os momentos de serem pessoas dignas , responsáveis e educadas. Só assim se conseguem arrumar os invejosos e odientos servidores de uma direita saudosista. Obrigado, Carlos Esperança pela capacidade de análise tão arguta que nos oferece.

    Gostar

Obrigado pelo seu comentário. É sempre bem vindo.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.